Publicado por: protouro | 18 de Setembro de 2018

Queremos o Subsídio de Volta

A Câmara Municipal do Redondo subsidiou com 10.000 euros uma tourada de gala à antiga portuguesa que teve lugar na praça de touros da terriola.

corrida gala redondo

Só que segundo a autarquia a Associação Tauromáquica Redondense a quem o subsídio foi dado não realizou o evento da forma que foi apresentado já que não havia cavalos, nem coches da época.

Assim sendo a autarquia em reunião ordinária que teve lugar no passado dia 29 de Agosto deliberou que seja restiuído parte do subsídio que despendeu a apoiar o espectáculo de tortura.

Acta 16 redondo

Ou seja esbanjaram o erário público a apoiar o espectáculo aberrante e depois como o mesmo não agradou querem parte do dinheiro que não deviam ter gasto de volta.

Se o nosso país fosse governado por gente séria e honesta há muito que estes autarcas tauromafiosos estavam sentados no banco dos réus por dissiparem dinheiros públicos mas não, nesta república bananeira, todos estes bandalhos continuam impunemente a encher a pança da tauromáfia!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios
Publicado por: protouro | 17 de Setembro de 2018

Empresário Tauromafioso Ataca Aficionados Moitenses

Rafael Vinhais gerente da praça de touros da Moita afirmou numa entrevista, que o custo da Feira da Moita é de 120.000 euros e que ninguém está para investir ali se não der rendimento, já que em termos de público não era o que estava à espera.

rafael vinhais

Mas o mais relevante da entrevista é quando afirma e citamos:

“Quando lhes damos tudo não vêm. Quando lhes damos outra coisa também não vêm. Grande parte do público que vem é de fora, ainda hoje se nota, eu estou a ver aqui público que conheço e não é da Moita sequer. Infelizmente, não há muita gente da Moita. Em percentagem se calhar, digo eu, será 20/25% de pessoas da Moita, o resto é tudo de fora.”

Ora tendo em conta que o presidente da câmara diz que a tauromaquia é a afirmação da Moita e que as touradas fazem parte da identidade do lugarejo está tudo dito.

E não é só o Vinhais que afirma que os habitantes da Moita não vão às touradas ,o tauromafioso Miguel Alvarenga também diz que o que o pessoal da terrinha quer não é touradas mas sim beber até cair.

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 15 de Setembro de 2018

Moita uma Praça Cheia de Ar e Todos Nós a Pagar

Rui Garcia presidente da Câmara Municipal da Moita numa entrevista a uma website tauromafiosa afirmou e citamos:

“Eu penso que ninguém em Portugal pensa na Moita sem a associar à tauromaquia.
A tauromaquia faz parte da nossa identidade.O município que suporta as festas e portanto suporta todos os encargos relativos às festas, incluindo portanto os encargos das largadas e de tudo o que está associado. E para além disso, alguns apoios que damos aos nossos grupos de forcados, à escola de toureio. A tauromaquia continua a ser e tem de continuar a ser uma fonte de afirmação da Moita.”

rui garcia camara moita

A tauromaquia continua a ser uma fonte de afirmação da Moita graças aos subsídios que são pagos por todos nós, pois como o autarca afirma é a câmara que arca com todas as despesas, despesas essas, que em cinco anos nos custaram 231.600 euros e no entanto, apesar de toda esta suposta identidade, o antro de tortura nem pelas moscas é visitado.

moita 12.9.2018

Afirma ainda o autarca e voltamos a citar:

“A Feira Taurina, as largadas aqui na avenida, os milhares de pessoas que todos os dias cá estão, nas dez largadas que fazemos nesta semana. Portanto isto é a prova de que a vida da tauromaquia aqui está no sangue dos nossos habitantes, e vai com certeza continuar a estar.”

Largadas de touros essas que ferem e matam pessoas e onde pela calada da noite se cometem todo o tipo de atrocidades, já que de acordo com uma denúncia feita às autoridades, a altas horas da madrugada do dia 10 para 11 um energúmeno foi corneado por um dos touros e a populaça completamente bebêda decidiu vingar-se matando o touro à paulada. O vídeo que circulava na Internet e que provava o acto bárbaro foi entretanto apagado.

Este é o país em que vivemos, onde com a conivência dos políticos de trampa que nos governam, se permite que em vários lugarejos habitados por seres mais primitivos que os homens das cavernas se torturem touros com fogo nos cornos e se matem touros à paulada.

Este é o país no qual os torcionários são glorificados e os activistas pacíficos que invadem uma tourada são algemados e violentamente agredidos por tauricidas nas barbas da GNR sem que até hoje ninguém tenha sido acusado!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 12 de Setembro de 2018

Pardais Vai Construir uma Praça de Touros

Pardais é uma freguesia do concelho de Vila Viçosa onde vivem 546 alminhas (censos 2011).

Certamente a localidade não tem carências de qualquer espécie, portanto, nada melhor que construir uma praça de touros com uma bancada para cerca de 250 pessoas e uma enfermaria.

praca touros pardais

De acordo com a acta da reunião ordinária da Câmara Municipal de Vila Viçosa datada de 4 de Abril do corrente ano foi deliberado requerer um empréstimo a médio/longo prazo no montante de 60.000 euros só para a construção da referida bancada. Resta saber qual o montante para a construção da enfermaria já que a referida acta não o menciona.

acta vila vicosa

E assim se desbarata uma vez mais o dinheiro dos contribuintes na construção de um antro de tortura, e como se tal não fosse ultrajante e inadmissível, toda esta estória cheira a cambalacho já que Vila Viçosa tem uma praça de touros e a distância entre esta e a que será construída em Pardais é apenas de 14 Km.

Uma vez mais se prova que este país é uma república das bananas onde os autarcas fazem tudo o que querem impunemente!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 9 de Setembro de 2018

Bombeiros Tauromafiosos

Os Bombeiros de Vila Viçosa vão organizar amanhã (dia 10) e depois de amanhã na praça de touros da localidade garraiadas. E nós que pensávamos que os bombeiros existiam para salvar vidas sejam elas de animais humanos ou não humanos.

Mas pelos vistos estamos completamente enganados já que estes bombeiros não salvam vidas, antes pelo contrário, organizam espectáculos onde vacas, novilhos e bezerros são abusados para gaúdio de broncos e bêbedos.

garraiadas bombeiros vila vicosa

Esta gentalha envergonha toda a classe, porque felizmente, a maioria dos bombeiros deste pais não se comporta como tal e se este país fosse sério, bombeiros como estes e outros que organizam touradas há muito que tinham sido erradicados da corporação.

Mas como Portugal é um país de incultos, bárbaros e atrasados continuamos a ter exemplos destes que nos envergonham e que mesmo sendo uma minoria mancham a reputação de todos os bombeiros de Portugal!

Assim sendo não se admirem que as pessoas se recusem a ajudar com donativos, porque tal só acontecerá, quando os soldados da paz se comportem e ajam como pessoas de bem e cumpram os objectivos para os quais foram criados, ou seja, salvar vidas e tal significa não promover nem organizar espectáculos degradantes onde seres sencientes são torturados e abusados!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 4 de Setembro de 2018

O Autarca de Benavente que Sonha com uma Praça de Touros

Carlos Coutinho o presidente da câmara comunista de Benavente tem um sonho que passa por desbaratar três milhões de euros na construção de uma praça de touros.

Em 2018 ainda temos autarcas que estão mais preocupados em construir locais para a tortura de seres sencientes que com a melhoria de vida daqueles que os elegerem e este Carlos Coutinho é um deles.

benavente carlos coutinho cdu

Benavente é aquele lugarejo primitivo que tem um festa chamada da amizade na qual insere touros de fogo desafiando a lei que os proíbe, e onde até hoje, nunca ninguém presidente da câmara incluído foi penalizado por tal facto.

Este e outros caciques comunistas que defendem a barbaridade animal, só se perpetuam no poder, porque os aficionados apesar de os odiarem sabem que os mesmos lhes darão subsídios e os apoiarão em tudo o que tenha a ver com tauromaquia e por isso votam neles.

Não existem adjectivos suficientes no Dicionário da Língua Portuguesa para qualificar este tipo de pessoas que tendo poder, não olham a meios, para defender uma minoria de incultos que se diverte com a chacina de bovinos nem que para isso, tenham que despender três milhões de euros do erário público.

E a populaça da vilória apoia porque o Carlos Coutinho lhes dá sardinhas assadas, pão e touros e os indiferentes deste país que barafustam porque a saúde, educação e etc, sofrem constantes cortes não conseguem discernir que os impostos que pagam, ao invés de serem aplicados nesses sectores, são desviados para subsidiar anualmente a tauromaquia com milhões de euros!

Milhões de euros que financiam os Moura, os Caetanos e tantas outras famílias tauromafiosas que vivem à tripa forra enquanto gente honrada trabalha duramente para conseguir sobreviver um mês com comida na mesa!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 2 de Setembro de 2018

Albufeira – O DIAP Está Vendido à Máfia Tauromáquica?

Quase um mês depois das selváticas agressões perpetradas por aficionados e tauricidas contra abolicionistas que pacificamente invadiram a arena de Albufeira ainda ninguém foi acusado de nenhum crime.

O DIAP investiga mas a investigação pelos vistos é tão “complicada”, que mesmo com vídeos, ainda não conseguiram identificar os agressores.

Surpreendente, uma vez que outras agressões selvagens que foram notícia e que nada têm a ver com a tauromáfia, foram investigadas celeremente e a título de exemplo citamos duas:

1ª Urban Beach as agressões praticadas pelos seguranças foram imediatamente investigadas graças a um vídeo, e de imediato, os energúmenos foram constituídos arguidos tendo sido declarada a prisão preventiva dos mesmos e tendo o MAI ordenado o encerramento da discoteca.

2ª Invasão do campo de treinos do Sporting rápida investigação e inúmeras pessoas constituídas arguidas.

No entanto, quanto à invasão pacífica da arena de tortura de Albufeira nenhum dos filhos das pedras que agrediram os abolicionistas foram constituídos arguidos.

praca touros albufeira 9.8.2018

Se alguém ainda tem dúvidas que neste país a justiça tem dois pesos e duas medidas eis a prova.

A tauromáfia neste país tem carta branca para fazer tudo o que quer e lhe apetece porque em certas localidades tem na mão a GNR, a polícia, os procuradores e os juízes.

Em qualquer outro país há muito que os agressores dos pacíficos abolicionistas teriam sido acusados de ofensas corporais, mas em Portugal os agressores continuam em liberdade e ainda se gabam das suas façanhas!

E quando o PAN afirma e bem que não condena acções como a de Albufeira porque são pacíficas ao contrário da violência dos aficionados, a “prótoiro” incita ao ódio ao afirmar na sua página Facebook que um partido com representação parlamentar desrespeita a democracia quando não condena acções criminosas, quando na realidade, a acção não é um crime mas sim desobediência civil e que quem cometeu vários crimes foram os todos os mentecaptos que apoiam a carnificina tauromáquica.

Entretanto nós vamos contando os dias que levará o DIAP a concluir uma simples investigação criminal!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 30 de Agosto de 2018

Joana Petiz Volta a Atacar o PAN

A jornaleira Joana Petiz, sub-directora do DN revelou de uma vez por todas que é a porta-voz da federação merdosa “prótoiro”.

joana petiz prótoiro

Assim sendo tudo é pretexto para atacar o PAN. Coitada a mulher não deve saber escrever sobre mais nada resta saber como é que em tempos trabalhou no “Jornal de Negócios”.

Desta vez escrevinhou uma trampa intitulada “Há mais pessoas a viver na Amadora do que eleitores do PAN” com a única finalidade de semear o ódio destilado pela “prótoiro”.

Diz ela e citamos:

“Ler que esse mesmo deputado considera “um crime” o que o Parlamento validou e a Constituição da República entende como manifestação cultural e que esse mesmo deputado defende que a fronteira entre ações admissíveis e inadmissíveis no campo do ativismo ou da política “coloca-se na existência de violência” e não na legalidade já é mais preocupante.

O que o deputado do PAN nos diz é que não respeita as instituições deste país, nem a lei – nem sequer a Lei Fundamental – sempre que elas vão em sentido contrário às suas crenças. Repito: é um deputado que se avoca o direito de escolher que parte das regras devem ser cumpridas, invocando o seu pessoalíssimo credo.”

Ai rapariga, rapariga a CRP não considera, nem nunca considerou que as touradas sejam uma manifestação cultural, não inventes porque uma mentira repetida à exaustão não se torna verdadeira.

E a verborreia continua com afirmações que as praças estão cheias, quando basta ver as fotos dos blogues tauromafiosos para comprovar a mentira, que não existem subsídios estatais ou europeus quando existem documentos oficiais que o provam e por aí fora.

Estas bostas que a pequena escreve só provam que para jornalista sem assunto qualquer perna é presunto!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

 

Publicado por: protouro | 29 de Agosto de 2018

Autarquia das Caldas da Rainha Esbanja Dinheiro em Touradas

A Câmara Municipal das Caldas da Rainha dispendeu 4.000 euros em bilhetes para touradas.

No espaço de poucas semanas a autarquia comprou 200 bilhetes a 20 euros cada tendo para isso alterado a despesa do orçamento.

c.m. caldas da rainha

A denúncia partiu da oposição (PS) na autarquia que afirma e citamos:

“O dinheiro público exige uma gestão rigorosa e criteriosa, que não é compatível com este tipo de despesas”.

A autarquia que tem maioria PSD defende-se dizendo que apoia diversos eventos entre os quais a tauromaquia sendo que para esta compra bilhetes, dá subsídios e patrocínios.

Uma autêntica vergonha o que se passa neste país onde em certas autarquias impera a bandalheira e onde os autarcas estão vendidos à máfia tauromáquica!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Publicado por: protouro | 27 de Agosto de 2018

Forcado Alicia Menores para Treinos

A página Facebook da “prótoiro” perguntou aos seus seguidores onde estavam a ver a tourada transmitida no dia 24 pela TVI.

Entre muitos comentários a apelidar a estação de vergonhosa porque ao invés de fazer um directo começou a emitir 40 minutos depois houve um que nos chamou a atenção e que diz respeito ao cabo do grupo de bastardos da Moita.

comentario fb protoiro tourada tvi

Esta acusação é muito grave, não só pelo facto de um bastardo andar a recrutar crianças para treinos, como depois não se responsabilizar pelo que lhes acontece e quando os miúdos vão parar ao hospital, muito provavelmente os pais afirmam que se magoaram a jogar à bola ou outras mentiras no género.

Uma vez mais se prova que a tauromáfia faz o que quer e lhe apetece neste país já que conta com a conivência dos irresponsáveis progenitores e da Comissão de Protecção dos mesmos que como todos nós sabemos assobia para o lado porque está comprada por toda esta gentalha!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Older Posts »

Categorias