Publicado por: Prótouro | 10 de Julho de 2019

Ó Hélder Milheiro Estamos Borrados de Medo

O Hélder Foleiro perdão Milheiro anunciou que a “prótoiro” vai avançar com processos contra todos os abolicionistas que fizeram comentários a insultar o tauricida João Moura Jr no Facebook ou em blogues anti-touradas.

coninhas report

Afirma o rapazola que se trata de crimes de ódio e difamação e que em Espanha alguns abolicionistas foram condenados por estes crimes.

Ó Hélder mas tu vives em Espanha?

Não, tu vives em Portugal, mas pelos vistos achas que não existem diferenças portanto, faz as malas e vai viver para a ditadura espanhola é um favor que nos fazes já que ver a tua carinha com o cabelo a escorrer brilhantina dá-nos vómitos.

helder milheiro e a brilhantina

O problema da “prótoiro” é que confunde insultos com indignação e que nós saibamos indignação não é crime previsto e punido pelo Código Penal.

Processem, processem porque existem muitos advogados a precisar de dinheiro.

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Responses

  1. Mas que grande azeiteiro. Mais um a fazer birrinha como diz o Henrique Silva. Ele que processe, que os nossos tribunais sao tao celeres a tratar de coisas serias, que se vao mesmo preocupar com as birrinhas de difamaçao do azeiteiro. Pode ser que com sorte este labrego nasça como touro em Espanha e tenha o fim glorioso que ele tanto admira.

  2. Humm, o problema do paspalho é mais temporal que espacial. É que nem em Espanha isso aconteceu, a não seu durante a ditadura Franquista. O menino pode por mais 5 litros de banha no cabelo que isso não muda o facto que, mentalmente, ele está umas quantas décadas atrás do resto.
    Mas onde é que eu já vi este tipo de birrinhas infantis a críticas? Ah, pois, anda um senhor nos EUA parecido com uma tangerina que também fica de beicinho quando o criticam. E anda outro no Brasil que até vai chorar para o Twitter que outros meninos fazem troça porque ele não é assim lá muito inteligente.
    Mas a sério, gostava mesmo de saber onde é que o ranhoso pensa ir buscar o dinheiro para processar tanta gente? É que quem lê as parvoíces que ele vomita fica a pensar que só 3 ou 4 pessoas preferiam que tivesse sido outro animal a ser abatido em vez do pobre cavalo. Boa sorte com isso meu palhacinho. Boa sorte a tentar processar metade do país ah ah
    Mas agora a sério, espero mesmo que nenhum dos parvos morra. Mas mais ainda que abram os olhinho quando acordarem da anestesia. Porque a realidade é que não há nada mais poderoso para a causa abolicionista que o toureiro ou forcado que conseguem libertar-se de décadas de formatação e acordar para a vida. Os aficionados sabem-no e é isso que os preocupa mais que outra coisa sempre que um dos seus amigos de copos é colhido por um touro desesperado. Enquanto aficionados as suas vidas são irrelevantes do ponto de vista da evolução social, daí o desprezo de muitos quando eventualmente levam nas trombas do touro. Mas se abrirem os olhinhos, pois, aí a coisa muda de figura e muito.
    Ter alguém que nunca pôs os pés numa tourada a manifestar-se contra é tão normal e espectável que muitos já nem ligam. É como ser contra a escravatura e prostituição infantil. É tão óbvio nos dias que correm que, infelizmente, acaba por ser normalizado em demasia. Mas isso muda de figura quando o protestante é um ex-toureiro. Não há nada mais danoso para a tauromaquia que um dos “deles” a descrever em primeira pessoa aquilo que a maioria desconfia. Os aficionados sabem disso e por isso é que não largam as camas de hospitais dos amigos caídos. Não por amizade ou respeito mas por estratégia.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Categorias