Publicado por: protouro | 5 de Junho de 2019

Quem Anda à Chuva… Forcado Corneado por Touro em Largada

No passado dia 2 um forcado do grupo de bastardos de Tomar foi colhido por um touro durante uma largada na Chamusca.

forcado corneado

De acordo com o jornal “O Mirante” está internado no Hospital de Santarém tendo sido suturado numa perna, braço e boca e sem previsões para ter alta já que não consegue andar e consequentemente não pode usar muletas.

Pois é quem anda à chuva molha-se e este encharcou-se porque desta vez o touro não estava moribundo bem pelo contrário.

Só mesmo um país atrasado e miserável para continuar a permitir a barbaridade das largadas de touros que anualmente matam e enviam para o hospital dezenas de pessoas. Quanto ao forcado temos pena!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Responses

  1. Temos pena!!! Devia estar bebado, que é o estado natural destes humanos basicos.

  2. Pois, o corajoso. Esqueceu-se que o touro não estava entupido com calmantes e com os olhos cheios de vaselina, como está habituadinho, e levou na tromba, literalmente. Eu até acredito que a estupidez galopante desta gente é uma forma de a natureza os remover da sociedade pois claramente só cá andam a desperdiçar oxigénio.
    No tal mundo rural, o que eles conhecem tão bem, se um pardal ignorar o gato que se aproxima escondido pelas ervas, pronto, já era. Daí que a maioria dos seres vivos evoluíram e possuem instinto de sobrevivência. Se ao atravessar a rua vir um autocarro desgovernado a apitar na minha direcção, o instinto é desviar-me. Todos os animais funcionam assim, excepto alguns humanos, aparentemente.
    Olhando para um bicho que é basicamente meia tonelada de músculo com duas facas pontiagudas na testa, o instinto diz-me para ter cuidado (que até nem é preciso pois sabe-se bem que os touros, quando não ameaçados, são bastante dóceis. Afinal de contas é um herbívoro). Mas o mongo acha que é boa ideia provocá-lo, pelo que este resultado, na minha opinião, não é mais que um claro exemplo da selecção Darwiniana em curso. Se não fosse a medicina moderna e o SNS era só esperar umas gerações que estes atrasadinhos depressa se suicidavam todos (haverá grande diferença entre cortar os pulsos e meter-se à frente de um touro em carga de propósito?). Claramente que os aficionados falharam à muito o teste evolutivo pelo que é normal ver a natureza a tentar livrar-se dos empecilhos.

  3. Pois eu não tenho pena bebo à saúde do touro!


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Categorias