Publicado por: protouro | 23 de Agosto de 2018

Manuel Luís Goucha o Hipócrita

No programa “Você na TV” da TVI que teve lugar no passado dia 20 foi debatido a invasão pacífica do bordel de Albufeira pelos activistas do grupo Vegan Strike.

Um dos comentadores chegou a referir que o Peter Janssen estava armado e que deveria ser punido por isso. Enfim convidar comentadores que não têm nem ideia do que estão a comentar dá nisto.

Mas o que realmente importa relativamente a este paupérrimo programita é a postura do Goucha que começa logo por afirmar que o indivíduo, ou seja o Peter Janssen envergonha todos os defensores dos animais.

Goucha estás completamente enganado o que envergonha os abolicionistas não é a acção do grupo Vegan Strike, que até pagou os bilhetes para invadir pacificamente a arena de tortura, mas sim tu que clamas aos quatro ventos que és anti-touradas quando na realidade vives com um aficionado há 20 anos, és amigo de vários tauricidas e até tens em casa uma casaca oferecida pelo tauricida Rui Fernandes.

casaca tauricida rui fernandes

E como se tal não fosse bastante ainda afirma que ele como não gosta não vai mas respeita.

Tem graça os aficionados também costumam dizer que quem não gosta não vai e quanto ao respeitar como é que alguém pode respeitar seres que se dizem humanos e depois ganham a vida a torturar e matar bovinos!

Ó Goucha faz-nos um favor deixa de envergonhar os verdadeiros abolicionistas já que tu não és nem nunca serás um anti-touradas.

O que tu és na realidade é um aficionado que ainda não saiu do armário!

Para quem quiser ver o video:Você na TV

Prótouro
Pelos touros em liberdade

 

Anúncios

Responses

  1. Também sou anti-touradas e faço publicação na minha página do facebook campanha contra elas e por isso sugiro aqui que os activistas vão a Barrancos nesta semana de 28 a 31 de Agosto porque ali se matam toiros todos os anos frente à capela em “honra de Nª Srª da Conceição” e a Igreja não se pronuncia cometendo também seu “pecado de omissão. Inclusive enviei meu artigo sobre o assunto para o Presidente da República (que é muito ‘católico’) e para o Patriarcado de Lisboa para que façam alguma reflexão sobre aquela “Festa” demoníaca e tomem alguma posição.

    • Rui se os abolicionistas fossem a Barrancos seriam linchados pela populaça.

      • Pois, isso é verdade, aquelas pessoas de Barrancos são bem capazes de agredir e enviar para o hospital quem se oponha à sua ‘festa’ demoniaca que nem os políticos tiveram coragem de acabar com ela e até tiveram de criar uma famigerada “lei de excepção” que lhes permite torturar e matar toiros todos os anos em nome de uma famigerada ‘tradição’… E nem os órgãos de comunicação falam desta ‘festa’ por alguma razão, pois ela começou no dia 28 e termina dia 31 deste mês e fazem silêncio quando deviam mostrar ao país e ao mundo o que ali fazem “em honra de Nª Srª da Conceição”.

  2. Dizer que não gosta mas que respeita está nos antípodas de ser contra. É o que dá querer agradar a gregos e a troianos.
    E essa casaca está boa para ser queimada. Cruz credo <.<

    • Mas foi bem ele ter falhado. Assim mais pessoas ficaram a conhecer o palhaço mal pronto que ele é. Incompetente para a função, um falso. Não se importou que o que estava por tema era a violência, porque ele tinha, antes de mais nada, de tentar queimar os Activistas e não falar dos agressores. Os espontâneos (os Saltadores à arena) foram agredidos, outras pessoas, algumas que estavam apenas de passassem foram agredidas. Consta que um dos militares da GNR foi também ferido. E o apresentador do xarope da TVI, abre com um boato maldoso, fala em armas!!! Tem o desplante de dizer que é contra, que respeita e que o melhor é não falar do assunto ou do movimento abolicionista da tauromaquia, que é notoriamente crescente!

      Note-se que a Acção dos Activistas foi pacífica. Pode não ser regulamentar, porque o regulamento parece omisso sobre possíveis ocorrências semelhantes. A ideia era estar no meio do público, entrar na arena, apresentar o protesto e sair por alguma porta indicada, porque a expulsão é certa. Mas a recorrência das atitudes violentas e agressivas já as tornou habituais. Está visto que a única reacção de que se lembram é de agredir, querem ferir, querem marcar, com tal força e excessos, que facilmente passam ao linchamento de carácter homicida. De repente temos os tais “aficionados” transformados numa milícia de imbecis justiceiros por conta própria. E estúpidos para isso são eles.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Categorias