Publicado por: protouro | 6 de Junho de 2018

Tauromaquia um Mundo de Gente Violenta

No passado dia 2 um agente da PSP em dia de folga passeava no jardim Constantino Palha em Vila Franca de Xira com a mulher e as filhas quando se deparou com vários indivíduos a agredirem um homem. De imediato tentou parar a dita agressão e de salvador do agredido passou a ser o alvo das agressões. Depois de ter sido assistido no hospital da localidade foi transferido para o hospital de S.José em Lisboa devido à gravidade e violência das agressões.

Os autores da agressão ao civil e ao polícia são os recortadores (uma importação espanhola que consiste em manobras acrobáticas feitas por imbecilóides com o intuito de se esquivarem dos touros) da terriola.

recortadores vfx

Muitos podem pensar que este tipo de espectáculo é aceitável porque os bovinos não são torturados, no entanto, estão profundamente enganados porquanto, uma vez mais, os animais são retirados do seu ambiente natural para serem submetidos a situações de stress e violência psicológica.

Mais uma prova que a violência impera na tauromaquia e faz escola não só entre forcados mas também entre recortadores.

Esperamos que este acto monstruoso e cobarde tenha uma punição exemplar, porque caso contrário, prova que é a máfia tauromáquica que governa este país!

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Responses

  1. Claro que os animais são massacrados, qualquer pessoa no seu perfeito juízo sabe isso. E quem gosta deste tipo de “actividade” só pode ter um perfil psicológico violento.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Categorias