Publicado por: protouro | 3 de Maio de 2016

Mais Tangas dos Abusadores de Animais

A revista “Sábado” deu à estampa um artigo de opinião da autoria de António Paula Soares intitulado “Fim dos canis de abate – Sabia que…”

António Paula Soares é presidente da Associação Nacional de Proprietários Rurais e presidente da Plataforma Sociedade e Animais uma coisa obscura composta por aficionados, caçadores e abusadores de animais que foi fundada em 2012 e que foi denunciada no nosso blogue num artigo intitulado “Plataforma “Sociedade e Animais” a Insolência dos Abusadores de Animais”.

antonio paula soares

O artigo pejado de mentiras reflecte na perfeição a forma de pensar de todos os abusadores de animais:

“O PAN promoveu uma petição sobre o tema “Fim dos Canis de Abate”. Mas será que os signatários tinham noção das consequências da petição e do que nela se escondia?

Em Portugal, estamos numa fase de “moda”, em que o extremismo animal e ambiental tem uma repercussão política desfasada da representatividade que o mesmo tem na sociedade. Uma fracção da sociedade, eleita por uma população votante de 70.000 eleitores e uma Iniciativa Legislativa de Cidadãos subscrita por 75.000 sujeitam a Assembleia da República, nos seus plenários, comissões e grupos de trabalho, a que uma pequena parcela da nossa Sociedade tente limitar a liberdade de escolha da esmagadora maioria, tentando submete-la às suas filosofias, agora pela força da Lei.

A ILC apoiada pelo PAN, que se encontra neste momento em discussão na Assembleia da República, recupera um tema já proposto em anos anteriores pelo PCP e PEV, mas agora com uma agravante, não se limita ao tema em questão, apresentando no texto tentativas de limitar e extinguir a relação do Homem com os animais.

Nesse documento é por demais evidente a filosofia na qual assenta a mesma ILC, propondo a esterilização de todos os animais presentes nos Canis Municipais e Centros de Recolha e a sua devolução às ruas, com a figura legal do “animal comunitário”, sobre a (ir)responsabilidade de um tutor. Acrescentando publicamente, à mesma proposta, a necessidade de uma esterilização massiva de todos os animais de companhia, e ainda, acrescentando de uma forma veemente o fim da criação de animais domésticos de raça.

O PAN pretende, e as entidades que o apoiam, fomentar e organizar a extinção de qualquer cão ou gato doméstico num horizonte de curto e médio prazo, impedindo a reprodução e o apuramento de raças, com o propósito de terminar com os abates em canis municipais”.

Os exploradores de animais estão infiltrados em todo o lado e não olham a meios para atingir os seus fins nem que para isso tenham que constituir movimentos e quejandos com nomes cuja única finalidade é enganar incautos.

Prótouro
Pelos touros em liberdade


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias