Publicado por: protouro | 26 de Agosto de 2015

Feios, Nojentos e Violentos

O tauricida Morante de la Puebla contratou a sociedade de advogados aficionados Moeckel para intentar uma acção por difamação e injúrias contra Peter Janssen o abolicionista que invadiu as arenas de Benidorm e de Marbella quando o “artista” torturava e matava bovinos.

morante de la puebla

Recorde-se que em Marbella, a quadrilha do mafioso tauricida agrediu violentamente o activista e enquanto que este esteve detido durante algumas horas, os tauromafiosos apenas foram intimados para pagarem multas se bem que o crime que cometeram é punido com pena de prisão.

De acordo com o advogado o canalha quer não só um pedido de desculpas, porquanto foi apelidado de assassino, como também uma indemnização de 150.000 euros.  Se Peter Janssen se recusar a pedir desculpa ou a pagar avançarão com um processo crime.

Podem intentar as acções que quiserem, podem tentar arranjar juízes que nos enviem para a cadeia, mas uma coisa podem ter a certeza, jamais nos conseguirão parar porque a luta pela abolição da tauromaquia é imparável!

Prótouro
Pelos touros em liberdade


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias