Publicado por: protouro | 28 de Junho de 2014

À Falta de Legislação Todos Lavam as Mãos!

Neste país legisla-se em catadupa. Qualquer actividade mesmo que seja aberrante, como é o caso dos espectáculos tauromáquicos é regulamentada.

Mas se existe regulamentação quanto ao espectáculo tauromáquico e às touradas à corda nos Açores, o mesmo não acontece quanto a outros tipos de barbaridades tauromáquicas.

Em Portugal não existe um diploma que regulamente largadas de touros, vacadas, picarias, etc. As câmaras municipais ou outras entidades que as organizam, eximem-se de qualquer tipo de responsabilidade exactamente com base nessa lacuna.

Veja-se a título de exemplo, o edital da câmara municipal de Vila Franca de Xira, relativo às festas do Colete Encarnado 2014:

Edital camara VFX

Ora, sem qualquer regulamentação, as inúmeras pessoas que faleceram ou foram feridas com gravidade ao longo dos anos, raramente receberam  qualquer tipo de indemnização, uma vez que os organizadores se escudam na falta de legislação e passam a responsabilidade a quem participa nestas actividades medievais.

Todos lavam as mãos tal como Pôncios Pilatos e o bacanal de mortos e feridos continua a engrossar, até ao dia em que alguém da família de um morto ou ferido ponha o Estado em tribunal responsabilizando-o pelo facto de não existir qualquer normativa que regule estas atrocidades.

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias