Publicado por: protouro | 28 de Maio de 2014

A Tauricida Francesa que quer ser Indemnizada por Danos Profissionais e Morais!

A matadora de bovinos Léa Vicens, afirma que foi difamada por Jean-Pierre Garrigues, presidente do CRAC-Comité Radicalement Anti Corrida.

Vai daí, a torcionária, decidiu instaurar uma acção judicial contra o mesmo exigindo uma indemnização por danos profissionais e morais.

A história conta-se em poucas palavras, durante uma manifestação anti-touradas, um jornalista perguntou a Jean-Pierre Garrigues se ele conhecia Léa Vicens, ao que o mesmo respondeu que era uma cavaleira tauromáquica que permitia que os seus cavalos fossem esventrados.

Ora a tauricida, diz que nunca nenhum dos seus cavalos foi corneado, o que prova que ela deve desconhecer uma coisa que dá pelo nome de fotografia:

lea vicens cavalo corneado

Se estas imagens não mostram um cavalo a ser corneado e uma tauricida a fugir a sete pés da cena do crime, então nós somos ceguinhos!

A indústria tauromáquica está desesperada, e pelos vistos o advogado que aceitou este caso também.

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias