Publicado por: protouro | 4 de Maio de 2014

Trogloditas Defendem a Obscenidade que se Pratica em Tordesilhas

Um grupo de intelectuais e professores universitários, oriundos de Valladolid, Madrid, Portugal (a seu tempo saberemos quem é o português “intelectual” que vai participar), França e Colômbia, vão celebrar em Setembro um congresso internacional sobre o Toro de la Vega.

O dito cujo, tem como finalidade defender a existência do macabro espectáculo “tanto na vertente de tauromaquia popular como na vertente comercial.” Afirmam também estes cavernícolas que tal congresso, servirá para provar que os defensores desta prática, não são bárbaros nem pessoas com baixo nível intelectual.

Obviamente que estes tipos mesmo tendo títulos académicos, desconhecem completamente o significado da palavra bárbaro.

Tordesilhas toro de la vega

Senhores intelectualóides da treta, se os que defendem e participam num espectáculo brutal, desumano e feroz onde centenas de broncos a cavalo e a pé munidos de lanças medievais perseguem um touro trespassando o mesmo com lanças até à morte, não são bárbaros então são o quê?

Lamentavelmente, em 2014, ainda existem retardados que persistem em defender o indefensável!

Às vezes perguntamo-nos se estes tipos acreditam mesmo no que defendem ou são simplesmente pagos a peso de ouro para o fazerem?

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias