Publicado por: protouro | 8 de Outubro de 2013

A Alínea do Decreto-Lei que Insulta os Abolicionistas

No dia 13 de Setembro, foi publicado em Diário da República, o Decreto-Lei 132/2013 que regula a composição do Conselho Nacional de Cultura.

Entre as várias secções especializadas, encontramos como não poderia deixar de ser, a secção de tauromaquia. Afinal, vivemos num país governado por gente tão “instruída”, que considera que um espectáculo onde se tortura metodicamente um animal é cultura.

A secção é composta por representantes ligados à tauromaquia tais como: criadores de touros de lide, forcados, toureiros, empresários tauromáquicos, directores de corrida, médicos veterinários com actividade taurina ( taurina uma palavra tipicamente portuguesa!), união internacional das cidades e vilas taurinas, entre outros.

Se o artigo 25º, nº1 do referido decreto-lei, é por si só anormal, mais anormal é o facto da alíena m), referir um representante de associações ou entidades de defesa ou protecção dos direitos dos animais!!!

Artigo 25º do Decreto-Lei 132/2013

DL 132-2013 de 13 de Setembro

Mas quem é que teve a ideia peregrina de integrar um representante dos direitos dos animais, numa secção especializada de tauromaquia? O governo acha que alguém que defende animais aceitaria semelhante cargo? E se se desse o caso de alguém aceitar o lugar, iria opiniar sobre o quê?

Sobre se os ferros compridos devem ser mais curtos ou se os ferros curtos devem ser mais curtinhos? Sobre se os touros devem ser anestesiados para lhes retirarem as bandarilhas que os toureiros lhes cravam violentamente?

Como não acreditamos que a alínea m) do decreto-lei seja um erro tipográfico, a única explicação, é que o governo está a gozar e a insultar todos aqueles que exigem a abolição da tauromaquia.

Prótouro
Pelos touros em liberdade

Anúncios

Responses

  1. Mas que aberração é esta?
    Não perdem por esperar.

  2. A propósito do Artigo 25º, 1, m) do Decreto-Lei 132/2013, considero que por objecção de consciência não haverá representante de associações ou entidades de defesa ou protecção dos direitos dos animais para a secção de tauromaquia do Conselho Nacional de Cultura, porque tauromaquia é tortura.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias